-

Resenha - Obsessão - Maya Banks


Lido em: Agosto de 2013
Título: Obsessão
Autor: Maya Banks
Editora: Quinta Essência
Gênero: Romance Hot
Páginas: 384
Ano: 2013
Comprar: Saraiva
Nota:

Gabe, Jace e Ash são três dos homens mais ricos e poderosos do país. Eles estão acostumados a conquistar tudo o que querem. Tudo. Para Gabe, tudo significa realizar uma fantasia particular com uma mulher que era um fruto proibido - e que agora está pronta para ser colhida... Quando Gabe Hamilton viu Mia Crestwell entrar no salão na inauguração de seu hotel, sabia que iria para o inferno pelo que tinha planejado.  E Gabe já esperou muito tempo para colocar seus desejos em prática. Gabe já fez parte das fantasias de Mia há muito tempo, desde que era apenas uma adolescente com uma "paixonite" pelo melhor amigo de seu irmão. Mia sabe que Gabe é como um sonho inalcançável, mas sua atração só fez aumentar ao longo do tempo. Agora ela é adulta, e não há motivo para não agir de acordo com seus desejos mais secretos.

A série Breathless é composta por três livros sobre três amigos ricos, Gabe, Jace e Ash, proprietários do HCM Global Resorts e Hotéis. Em Obsessão temos a história de Gabe.  Ele é um cara mais velho, 38 anos, que tem uma maneira muito específica para lidar com suas mulheres. Teve seus traumas no passado e agora não deixa ninguém se aproximar. Todo relacionamento que ele tem é sempre resguardado por contratos, já que suas exigências sexuais não são tão normais e aceitáveis, além de ser também extremante controlador e frio. Quanto a mocinha, Mia Crestwell, é irmã do melhor amigo de Gabe e 14 anos mais jovem do que ele. Ambos se desejam à muitos anos mas, por medo da reação de Jace, sempre mantiveram distância, até o dia em que Gabe toma a decisão de possuir Mia.

Quero deixar claro que não considero esse livro nem de longe um romance. É um livro sobre a forma doentia de um homem querer dominar e controlar uma mulher que não tem atitude. Eu, como já disse em algumas resenhas aqui no blog, não sou fã desses livros cujo o tema é a submissão feminina, seja ela na cama ou em qualquer outro lugar. Respeito quem gosta, mas simplesmente não consigo gostar. Não acho e nem nunca vou achar isso sexy. Claro que opinião é opinião né?

A história inteira é sobre Gabe fazer sexo com Mia quando e como ele quiser. Ele faz uma proposta de "trabalho" para Mia. Ela vai ser sua assistente pessoal e vai acompanhá-lo a todo lugar. Com isso ele tem acesso livre para fazer o que bem entender com ela e Mia simplesmente deve "obedecer". Ele se intitula o "dono" dela. Como eu posso gostar de algo assim? Como alguém pode gostar de algo assim? Pior que 50 Tons de cinza!! 

Eles vão ter um relacionamento bastante conturbado, com bastante mágoas e desavenças e isso fez eu não conseguir criar nenhum pouquinho de simpatia pelos personagens. Gabe até pode ser descrito como lindo, maravilhoso e tudo de bom, mas as atitudes e seus pensamentos, mesmo tendo toda uma história por trás dessa personalidade, me tiraram do sério, nada disso justifica algumas atitudes canalhas que ele teve com Mia. Já ela, é o tipo de personagem que eu realmente odeio. Eu não consigo gostar de alguém sem atitude, sem força de vontade, não consigo gostar de personagens que não sabem o que querem, muito menos de alguém que assina um maldito contrato de submissão onde um homem faz tudo o que bem entende e a mulher não se digna a questionar nada, aceita tudo como se fosse a coisa mais natural do mundo. Simplesmente não dá...

Ainda que eu não seja fã do tema não posso dizer que o livro é de todo ruim, tem uma narrativa fluida que é intercalada entre Mia e Gabe, com isso podemos entender tudo o que se passa na cabeça dos dois, os personagens são desvendados e desenvolvidos ao longo da história e podemos notar as mudanças, mesmo que sutis acontecendo na personalidade deles. Mas o que eu gostei mesmo foi no final, bem nas últimas páginas, conseguir diminuir meu ódio pelo livro, pois Mia se revolta (isso ai garota, mostra quem manda nessa bagaça!!!!) e coloca Gabe no devido lugar, mostrando que em uma relação verdadeira deve sim, haver igualdade e amor, só isso já compensou toda a chateação do resto do livro.

Para quem gosta de BSDM, livros com muitas cenas de sexo e homens poderosos, Obsessão é a minha recomendação, já para quem curte romance e coisas fofas e bonitinhas, talvez não vá apreciar tanto assim. Mas só você lendo para tirar sus próprias conclusões né? Alguém ai discorda da minha opinião sobre o livro? Deixe seu comentário!!

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Não li o livro. Até ia, mas dps que li umas resenhas, eu desisti.
    Porque eu faço coro com vc. Essa vibe de mulher submissa me dá nos nervos. Livros com mulher submissa no quarto e fora dele me irritam. Não me indentifico. Respeito tb, mas não gosto. Me incomoda. Dá vontade de entrar no livro e pegar a mulher e dar com a cara dela na parede. hahahaha
    Mas se ele for submissa só no quarto, até vai. Até gosto de algumas séries que foram... Mas a história tem que ter mais do que isso...
    Nesse caso parece que a mulher é uma prostituta exclusiva. Pq ela não pode ter vontade própria. Uó! Eu até pensei inicialmente que fosse gostar desse livro pq o cara se mostra reticente qnt a garota, sem querer um envolvimento emocional, enquanto ela quer o contrário. Gosto de livros assim. Mas acho que esse pelo o visto vai por outra linha né... ai não rola mesmo! Já desisti dele.

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então comente e me faça feliz...
Encontrou algum erro de ortografia ou qualquer outra pérola? Mande-nos um e-mail avisando!
Obrigada pela visita!! Volte SEMPRE!!!!!
Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...