-

Resenha - O Rei do Ferro - Julie Kagawa


Lido em: Outubro de 2012
Título: O Rei do Ferro
Autor: Julie Kagawa
Editora: Underworld
Gênero: Romance Sobrenatural
Páginas: 352
Ano: 2011
Comprar: Saraiva
Nota:
Alguma coisa sempre pareceu meio fora do lugar na vida de Meghan, desde que o pai desapareceu diante de seus olhos quando ela tinha apenas seis anos. Meghan nunca se adaptou na escola... nem em casa. Quando um desconhecido sombrio começa a observá-la de longe, e o amigo brincalhão se torna estranhamente superprotetor Meghan sente que tudo que ela conhece está para mudar. Mas ela nunca poderia ter imaginado a verdade - que ela é filha de um mítico rei das fadas e peça importante numa guerra mortal. Agora Meghan vai aprender até onde é capaz de ir para salvar alguém que ama, deter um mal misterioso que nenhuma criatura encantada ousa enfrentar... e encontrar o amor com um jovem príncipe que talvez prefira vê-la morta a deixá-la tocar seu coração de gelo.

O Rei do Ferro se tornou, com certeza, um dos meus livros favoritos. Repleto de ação, romance e com um toque de comédia, ele me levou a um mundo de desafios e sacrifícios que me prendeu do começo ao fim. Já fazia algum tempo que eu queria ler a série e posso garantir, com toda a certeza, que superou e muito, minhas expectativas.

Meghan é uma garota que vive tentando não chamar atenção pra si, não é popular na escola e tem apenas um amigo com o qual se importa. Os pais dela, na verdade padrasto e mãe, meio que a ignoram. Eles vivem em função de Ethan, o meio irmão de Meghan - isso me incomodou bastante, confesso - o qual ela também ama muito. 
No seu aniversário de 16 anos coisas estranhas começam a acontecer e seu irmão é trocado por um ser encantado. Seu melhor amigo não é quem sempre disse ser e ela se vê frente a frente a verdade que mudará sua vida para sempre. 

Ela nem imaginava que pudesse existir um mundo de seres encantados, ou que eles vivessem em seu próprio mundo. Mas o que ela não consegue e não quer aceitar, é que é um deles e ainda por cima, filha do Rei do Verão. Meghan vai passar por muitos apuros, e quando digo muitos é porque, quando ela consegue se livrar de um perseguidor logo vai topar com outro, chega a ser agoniante, ela não consegue se dar bem por muito tempo, ficamos com essa apreensão o tempo todo, as vezes eu segurava o fôlego e dizia: - Ufa! Essa foi por pouco, mas ai... pega de novo.

Todos a querem, pensam que podem usa-la contra o Rei do Verão já os encantados estão em constantes brigas por poder, ela com certeza, é uma boa arma. Alguns querem apenas comê-la, outros, no entanto, passarão a gostar dela. Meghan vai fazer aliados, sacrifícios e promessas que terá de cumprir queira ou não. Os encantados levam os favores muito a sério. Não agradeça a ninguém, só esse fato já o deixará em dívida! Em meio e esse caos, ela vai conhecer o frio - lindo, gato, sexy - Príncipe do Inverno Ash, que coloca sua Rainha - Mab, que ser perverso heim?! Deus me livre!! kkk - acima de tudo. Se ela mandar Ash matá-la, ele não exitará. Um romance de tirar o fôlego. Irresistível. Eles vão viver, literalmente, entre tapas e beijos, o que vai apimentar bastante a história.

Para Meghan, todos são suspeitos, qualquer um pode ter raptado seu irmão, mas o que ela acaba descobrindo é que Nevernever - como se chama o mundo dos encantados - também está correndo perigo. Tudo o que ela queria era resgatar seu irmão e voltar a vidinha tranquila e sem graça que vivia, mas depois de experimentar sensações tão arrebatadoras, ela será capaz de ir embora?  O poder realmente pode transformar as pessoas? Ele faz com que se queira ainda mais dele?
Eu a teria feito Rainha - ele murmurou, estendendo a mão para mim. (...)
Teria lhe dado tudo. Porque recusar essa oferta?
Porque, sussurrei levantando o braço - Já tenho tudo o que preciso.
Uma história encantadora, sobre o poder que cada um tem de superar seus medos e dores, sobre força de vontade, sobre perdão e, sobretudo, sobre o poder das emoções, sejam elas boas ou más. A protagonista nos mostra que são essas emoções que a tornam forte e que não há nada de errado senti-las. Julie criou um mundo inebriante, com personagens marcantes e cativantes e por se tratar de um tema sobrenatural, seus personagens são seres magníficos, belos e ao mesmo tempo assustadores. Repleto de lugares e paisagens exuberantes, extremamente rico em detalhes, O Rei de ferro é uma leitura dessas que a gente começa e não quer largar, fluiu tão facilmente que quando eu me dei conta, já estava acabando. Outro ponto relevante é a questão da diferença de tempo. Alguns dias e Nevernever pode significar anos no mundo real. Há também a brincadeira do controle das estações. Inverno e Verão sendo controlados por Reis e Rainhas cabeças duras causando um desequilíbrio nas estações do mundo "humano", o que nos remete a pensar no aquecimento global e suas catástrofes. E, o mais importante - acredito que seja essa a grande mensagem que a autora quis passar -  o quanto o mundo virtual, o mundo das máquinas, das coisas prontas, está matando a velha e saudável magia dos contos de fadas, a magia da leitura e do gostar de pessoas e não de coisas. O quanto toda essa tecnologia interfere no clico natural da vida, fazendo com que cresçamos e amadureçamos muito mais depressa, já que tudo está conectado, fazendo nossa vida ser, quase sempre, frenética. Enfim, para quem gosta de tirar da ficção um pouco de realidade, assim como eu, esse livro é perfeito. 

Comente com o Facebook:

10 comentários:

  1. gente que resenha legal *--* eu nem conhecia o livro viu
    vou até colocar na minha estante do skoob
    :)
    obrigada por me apresentar um livro legal.

    ResponderExcluir
  2. Oi , seja membro do meu blogger , já estou no seu !
    http://karolaynemaqui.blogspot.com.br/
    Beijoos

    ResponderExcluir
  3. Eu ja li o livro mas, li numa época não muito boa,então não o aproveitei direito, quero rele lo ainda e dar continuidade a série. Pois parece que melhorar muito.

    Bj
    MauMau
    http://www.sonhosresenhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, sua resenha esta muito boa!
    Fiquei muito curiosa com Ash, ele parece ser um personagem contraditório. A história me lembrou muitoooo Terríveis Encantos, mas talvez seja só impressão. Fiquei com tanta vontade de ler!!!!! Amei demais a capa, muito linda *-*
    Beijos, Giu

    ResponderExcluir
  5. Ele com toda a certeza vai para meus desejados, ainda não tinha ouvido falar dele, mas ele parece tão bom! Sua resenha passou um encanto, além de deixar claro o quanto o livro fala de coisas que podem ser refletidas e voltadas para a parte real. E a capa é divina não?! Parabéns!

    ResponderExcluir
  6. Ouvir falar de livro a pouco tempo e com certeza irei comprar. Amei a sinopse e a capa é perfeita!

    ResponderExcluir
  7. Esse livro passou a ser o meu mais desejado do momento *-* preciso AGORA
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  8. Pessoal eu tenho esse livro, é uma maravilha! mas é de 3 livros, eu ainda estou no primeiro kkk mas acho que vcs vao gostar ;)

    ResponderExcluir
  9. Adorei sua resenha, estava com o livro em mãos, mas ficava adiando a leitura.
    Depois de sua resenha? Vou ler logo, porque fiquei com muito curiosa.
    Amo ficção e romance juntos ♥

    Beijinhos,
    Tacila Porto

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então comente e me faça feliz...
Encontrou algum erro de ortografia ou qualquer outra pérola? Mande-nos um e-mail avisando!
Obrigada pela visita!! Volte SEMPRE!!!!!
Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...